terça-feira, 2 de outubro de 2012

Saliendo de tapas


Viernes pasado, HK y yo salimos de tapas. Tudo começou porque estava com siricutico de ficar em casa e queria fazer um happy hour com amigos, mas o Gordinho Suado está em Chicago, e Patynha & Mario estão em Montevidéu. HK e eu saímos do escritório e resolvemos marchar ao Aconchego Carioca, que abriu sua versão paulista no mesmo endereço onde um dia funcionou o Salad Bar e o Colette (espero que, dessa vez, acabe a sina de cemitério indígena do lugar).
Lá, sentamos no balcão (LOTADO!! E nem era 20h), tomamos um (péssimo) chopp Bamberg (vamos combinar que nem tudo que é artesanal é bom) e comemos (ótimos) bolinhos de virado à paulista (R$ 21/ 6 unidades). Os bolinhos são sequinhos e crocantes por fora e cremosos e bem recheados por dentro. A couve refogada vem bem fresquinha. Muito gostoso mesmo! Pagamos a conta (total de R$ 34,10) e seguimos em direção ao Bar Balcão.

Voltarei? Sim!! Ainda há várias coisas que quero provar no cardápio... Uns 4 tipos de bolinhos (mínimo) mais umas outras porções... estiquei o pescoção quando chegou a mistura nordestina à mesa ao lado. Durante a semana, também tem menu executivo por volta de R$ 35 (fecha às segundas).
Para ir: Cedo e com grupos pequenos, porque a casa é pequena e fecha cedo (meia noite)!
Tipo: boteco carioca com ótimos petiscos.

Serviço de utilidade pública: Alameda Jaú, 1372, Jardins – tel. 3062-8262

No meio do caminho, mais por necessidade fisiológica do que qualquer outra razão, paramos no At Nine, que, pelo que entendemos posteriormente, é uma balada. Decoração fake-chic e bem acabadinha, micro pista de dança no andar de cima... tá precisando de um up, na boa.
O host nos deixou entrar VIP (i.e. na faixa) porque dissemos que só queríamos beber um drink. Atendimento bem cordial, devo dizer. Lá dentro, só nós e um grupo de gringos com uma brasileira (ainda era cedo).
Pedi uma strawberry margarita, e HK pediu um mojito. Nada digno de comentários. Pagamos a conta (total de R$ 50,60) e seguimos nosso caminho.
Voltarei? Não.
Para ir: mais tarde, para balada mesmo, quando você já não ligar tanto para a cara das coisas (e das pessoas).
Tipo: balada.

Serviço de utilidade pública: Rua da Consolação, 2893, Jd. Paulista – tel. 3061-3933

Daí, andamos mais um pouco, desviamos de um morador de rua que parecia drogado e chegamos ao Bar Balcão. Ar vintage (tipo Frevo), um enorme, disforme e lindo balcão de madeira ocupando todo o andar térreo, aonde as pessoas vão se achegando e se organizando ao bel prazer.
Pedimos um sanduíche delicioso de bresaola, rúcula e chutney de manga na ciabatta (leve, quentinho), um bloody mary, um campari e uma água (para descer o campari). HK sempre teve vontade/ curiosidade de beber Campari. Porque só ele é assim. Fomos para a Itália com essa missão e passou batido... Desse pub crawl, não passaria!
Campari, para quem nunca bebeu, tem um sabor único, de fato, e um finzinho bem amargo, que é sua marca registrada. O primeiro gole só desceu com água mesmo. Chamamos um garçom, ULTRA cordial, que nos deu uma aula sobre a bebida (sabia que a cor e o amargor vem de um inseto, o camparino, esmagado para a confecção da bebida?!) e nos disse que as pessoas, normalmente, bebem com club soda e limão ou laranja. Pedimos uma rodela de laranja e... BEM melhor!
Pagamos a conta (total de R$ 62,59) e fomos em busca de uma sobremesa!
Voltarei? É possível. Atendimento indefectível, sanduíches muito bons e bom ambiente.
Para ir: Com grupos pequenos de amigos intelectuais (o povo lá tem um ar chic, inteligente), sozinho (o HK tem um amigo que sempre vai lá sozinho e sempre encontra alguém para bater papo – a mesa comunitária favorece).
Tipo: Bar das antigas.

Serviço de utilidade pública: Rua Melo Alves, 150, Jardins – tel. 3063-6091

Para terminar nossa saga, comemos um cheesecake e dividimos um chazinho no já conhecido Tea Connection. O cheesecake estava gostoso. Ainda não bateu o do Amor aos Pedaços (nem o da Giselle, claro).
Nossa, que rebeldes, né... terminar com um chazinho?? Hahahaha!
Pagamos nossa conta (total de R$ 25,30) e pegamos um táxi para casa (se for beber, não dirija!).
Voltarei? Já não é a primeira vez.
Para ir: tomar um chá e pôr o papo em dia com as amigas.
Tipo: chá/ café.

Serviço de utilidade pública: Al. Lorena, 1.271, Jardins – tel. 3063-4018

Fotos: Helio Kwon.


4 comentários:

  1. Vcs organizam esse tour?hahaha como faço pra participar?
    Podiam ter falado q queriam experimentar Campari. Eu embebedo a Luciana frequentemente com drinks de Campari....mas a do inseto nao sabia!

    ResponderExcluir
  2. vamos marcar o próximo pub crawl!!!

    ResponderExcluir
  3. Afff! Depois, a nega reclama do bração! E ainda pergunta: "Por que será...?"
    Ah, do Bar Balcão, o sanduíche de pastrami é muito bom!!! E tem um com hamburger mesmo que também é!

    ResponderExcluir
  4. Nossaaaaa...que larica hein!!!
    Tb ja fui ao At Nine e achei caro e tb nada demais...estou preparando os posts de santiago e montevideu...já que a minha assessora (Patynha) só quer saber de delegar essa atividade pra mim =(

    ResponderExcluir